sexta-feira, 7 de julho de 2017

Maneiras de ser imortal de acordo com a mitologia


Imortalidade é o conceito de viver como uma forma de vida física ou espiritual infinitamente. Durante vários anos, mitos surgiram sobre a possibilidade de viver para sempre e isso fez com que muitas pessoas dedicassem os dias de suas vidas em busca de um objeto, alimento ou qualquer outra coisa que os permitissem viver pela eternidade.
Antigamente as pessoas acreditavam que comer pêssegos, sereias, maçãs douradas e até mesmo minérios de mercúrio era uma das maneiras de se tornar imortal. Separamos 8 lendas sobre a imortalidade, de acordo com várias mitologias. Confira abaixo.

1 – Comer pêssegos


Os chineses acreditavam que o pêssego era um alimento capaz de tornar qualquer pessoa imortal. De acordo com crenças chinesas, quando uma pessoa ingeria o fruto, a ela eram concedidos 3 mil anos de vida a serem somados com os que naturalmente já lhe eram ofertados.

2 – Beber ambrósia


A ambrosia, também chamada  Manjar dos Deuses do Olimpo, era uma bebida da qual se extraía a imortalidade, segundo a mitologia grega. Muitos deuses acreditavam que comendo ambrósia, que tinha um gosto parecido com mel, era possível alcançar a eternidade. Tradição que também acreditava no poder da cura através desse elemento.

3 – Beber amrita


Amrita é uma palavra em sânscrito que significa imortalidade. E, segundo a mitologia hinduísta, a pessoa que bebesse dela viveria para sempre. A tradição conta que os Devas, ou deuses, perderam a imortalidade após serem amaldiçoados, eles conseguiram obter a vida eterna novamente após agitar o oceano de leite e criar esse néctar.

4 – Ingerir minério de mercúrio


A mitologia taoísta acredita que se uma pessoa ingerir minério de mercúrio comum ela pode se tornar imortal. Isso porque, segundo a tradição, certos tipos de alimentos ao serem ingeridos são capazes de fazer com que a pessoa receba alguns benefícios, como ficar livre de imperfeições que antes serviam como empecilho para a imortalidade. No entanto, vale lembrar que esse tipo de produto é venenoso e pode provocar um efeito contrário.

5 – Maçãs douradas


Na mitologia nórdica, as maçãs douradas são as frutas mais desejadas por qualquer deus, isso porque a fruta era a responsável por manter a imortalidade e a juventude. De acordo com a tradição, a deusa da primavera, Idun, guardava um pomar onde tinham várias frutas douradas.

6 – Desafiar um deus


A história de Sísifo é um dos exemplos que desafiar um deus pode ser uma maneira de se tornar imortal, isso porque, de acordo com a mitologia grega, os deuses costumavam punir as pessoas que desobedeciam suas ordens com castigos eternos. Sísifo, por exemplo, tentou enganar Zeus, porém, foi condenado a rolar uma pedra colina acima todos os dias e rolá-la devolta morro abaixo durante as noites.

7 – Comer uma sereia


Os japoneses acreditam que se uma pessoa comer um Ningyo, uma criatura parecida com sereia, poderia se tornar imortal. Isso porque segundo a tradição mitológica do país, existe uma “freira de 800 anos” que sem querer ingeriu carne de ningyo e depois disso foi condenada a imortalidade. Após a mulher viver muitos anos e ver os filhos e maridos morrerem, ela decidiu dedicar sua vida à religião budista e se tornou freira. Somente quando completou 800 anos lhe foi concedida autorização para a morte.

8 – Santo Graal


O Santo Graal é um dos objetos mais conhecidos e desejados por um cristão, pois seria o cálice que Jesus bebeu a Última Ceia. Também seria a peça que José de Arimateia teria usado para colher a última gota de sangue de Jesus quando Ele ainda estava na cruz. Os cristãos acreditam que somente uma pessoa de alma pura consegue chegar perto do Santo Graal. Além disso, de acordo com a tradição, um dos cavaleiros do Rei Arthur, Sir Galahad, alcançou a imortalidade.

Fonte(s) HypescienceSuper curioso