segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Gata volta para sua casa 9 anos depois de sumir


Quando Andrew Mabey recebeu um telefonema, no último sábado (23), dizendo que seu gato havia sido encontrado, ele não teve outra resposta a não ser: “Tomara que não! Eu não quero um gato zumbi!”. Acontece que havia três meses que o felino da família, que mora em Wellington, capital da Nova Zelândia, tinha partido desta para o céu dos gatinhos.
Porém, a ONG SPCA insistiu que uma felina microchipada havia sido encontrada e que ela pertencia aos Mabey. Foi então que Andrew se lembrou: 9 anos atrás, a arteira Getti fugiu de casa e nunca mais foi vista. Durante algumas semanas, eles mantiveram a esperança de que ela voltasse ou fosse identificada pelo microchip, mas aos poucos isso foi desaparecendo e Getti ficou no passado.

GataAndrew Mabey conta que Getti sumiu em 2008
Os quase 10 anos longe da família parecem ter sido cruéis com a gatinha: antes ela era gordinha e fofa, mas agora estava bem mais magra e bastante suja. Mesmo assim, os Mabey a reconheceram de imediato e não titubearam em levá-la de volta para casa e dar um belo banho.
Na época em que Getti sumiu, a família morava em outro bairro, distante 15 km de onde eles estão atualmente. Ninguém sabe por onde a gatinha andou nesse período, mas os Mabey tocaram suas vidas. O primeiro filho do casal era recém-nascido na quando a gata sumiu, e o mais novo, de 7 anos, nem chegou a conhecê-la. Ambos, que eram apegados ao gato recém-falecido, agora possuem uma nova companheirinha.

Um gato sentado no chãoGetti já está se sentindo em casa novamente