quarta-feira, 29 de novembro de 2017

O que acontece se você ficar uma semana sem dormir?


O norte-americano Randy Gardner quis estabelecer um recorde de não dormir sem usar qualquer tipo de estimuladores. O estudante de 18 anos permaneceu acordado por 264,3 horas (11 dias).
Neste post, vamos mostrar quais seriam as consequências de tal experiência. Dependendo das características individuais do organismo, os sintomas em diferentes pessoas podem se manifestar mais cedo ou mais tarde.
Então, não tente fazer isso em casa.

Dia 1

A primeira noite sem dormir já é um grande teste para o organismo. A dor de cabeça aparece, assim como um ruído nos ouvidos e a termorregulação é interrompida: a pessoa sente as mãos frias. Ela fica desconcentrada, confusa, sua memória é afetada e ela perde a habilidade de aprender coisas novas.

Dia 2

No segundo dia, ocorrem mudanças visíveis no aspecto físico: aparecem as olheiras, os vasos sanguíneos estouram, um ligeiro tremor surge em todo o corpo. A temperatura corporal cai para 35,8 °C, a pessoa sente calafrios. O número de palavras que usa é reduzido em 5 vezes.

Dia 3

O terceiro dia sem dormir é o teste mais sério. Os movimentos do corpo diminuem, tudo começa a incomodar muito e surgem os delírios. A pessoa quer comer mais do que o normal (especialmente alimentos salgados e gordurosos), o que causa inflamações cutâneas. Além disso, surgem tiques nervosos.

Dia 4

No quarto dia sem dormir, as pequenas rugas no rosto se tornam mais marcadas e a pele fica com um tom pálido. A pessoa começa a ter alucinações auditivas e visuais e se sente confusa em relação ao tempo e espaço.

Dia 5

No quinto dia, as pálpebras tornam-se incrivelmente pesadas e a dor nos olhos e na cabeça fica muito forte. As alucinações tornam-se constantes, a hiperatividade é alterada por fadiga extrema. A pessoa já não se sente capaz de dizer quem é.

Dia 6

Quase uma semana sem dormir. Os sintomas são terríveis: medo, paranoia e explosões de agressividade. O funcionamento das partes básicas do cérebro diminui, os músculos começam a "travar" (por exemplo, se a pessoa levantar a mão, deixará de entender que também pode baixá-la). Os sintomas ficarão mais parecidos com a doença de Alzheimer. A fala ficará mais lenta.

Dia 7

Uma semana sem sono causaria um forte tremor das extremidades e incapacidade de falar coisas com sentido. Nessa fase, a pessoa já não consegue mais realizar tarefas básicas. Os neurônios ficam menos ativos, o músculo cardíaco se desgastará e o sistema imunológico deixará de resistir aos vírus.