segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Mulher não tira maquiagem durante 1 mês, veja como ela ficou.


Depois de um dia cansativo no trabalho ou de uma festa badalada, bate aquela preguiça e muitas mulheres vão dormir maquiadas, mesmo sabendo que esse é um dos fatores que contribui para o envelhecimento da pele. Para ter uma real noção do quanto isso é prejudicial a saúde cutânea, a jornalista inglesa Anna Pursglove passou um mês sem remover corretamente a maquiagem, com resultados impressionantes.





Tudo começou com uma pesquisa divulgada pelo jornal aonde Anna trabalha, o inglês Daily Mail, mostrando que cerca de 30% das mulheres dormem maquiadas pelo menos duas vezes na semana. Isso acontece porque a limpeza da pele não está entre as prioridades noturnas, perdendo para lavar e a guardar a louça, arrumar a casa, responder e-mails, aprontar o uniforme escolar dos filhos, entre outras coisas. No mesmo estudo, os especialistas concluíram também que o excesso de maquiagem na pele durante a noite pode causar manchas, deixar a pele seca e os cílios quebradiços.
 

 A jornalista passou 30 dias apenas lavando o rosto e aplicando uma nova camada de cosméticos, sem usar qualquer tipo de demaquilante. Para fazer as comparações de antes e depois, ela primeiro teve a pele analisada por um profissional. Ela passou, então, a aplicar base, máscara de cílios, delineador e gloss todos os dias.





 No primeiro dia, o que mais chamou a atenção da jornalista foi a sujeira do travesseiro, embora também tenha sentido coceira nos olhos e notado que o rímel empelotou nos cílios. Dois dias depois, percebeu que estava com manchas brancas ao redor dos olhos e que a pele estava muito seca. Na reportagem do Daily Mail, Anna diz que os amigos começaram a comentar que ela estava com aparência de cansada.










Em uma das manhãs, Anna acordou com os olhos colados, devido ao acúmulo de rímel nos cílios, que começaram a cair quando ela tentou tirar o cosmético sem demaquilante. Para completar, no décimo dia, ela acordou com um dos olhos inchados e, de acordo com seu oftalmologista, a culpa era do excesso do rímel, que havia entrado no olho. Por causa disso, a repórter ficou 48 horas sem aplicar novas camadas de maquiagem.



A pele de Anna foi ficando cada vez mais seca, mesmo com a hidratação constante e era perceptível principalmente nos cantos da boca. Para piorar, a jornalista teve uma descamação cutânea similar à caspa nos cílios, além de vermelhidão nas pálpebras, o que impediu a jornalista de continuar passando rímel.







Depois de 30 dias, Anna estava com a pele irritada, 20% mais ressecada e com alergia. Os poros estavam 5% maiores devido à redução da elasticidade cutânea. Outro fato que também chamou bastante atenção foi que a jornalista aparentou envelhecer cerca de 10 anos em apenas um mês, tamanho o dano na pele. De acordo com o médico, algumas semanas de hidratação profunda e limpeza correta podem reverter a situação, mas o uso constantemente incorreto da maquiagem pode trazer efeitos colaterais permanentes.

[FONTE]