segunda-feira, 31 de outubro de 2016

O corpo perfeito, de acordo com a ciência




É certo que a beleza está nos olhos de quem a vê, mas a ciência tenta provar que vai muito mais além do que isto. Pesquisadores da Universidade do Texas, através da análise de vários dados obtidos durante vários anos, chegaram a uma conclusão: a #modelo e atriz Kelly Brook tem o corpo perfeito. Com 34 anos, a modelo de Rocheester, nos Estados Unidos, tem 1,68 de altura e incríveis 99-63-91 de busto, cintura e quadril.

A importância do estudo

Tais medidas são totalmente naturais, pois Kelly nunca fez nenhuma cirurgia plástica. A importância deste #estudo é quebrar o estereótipo de que a mulher perfeita deve ser magra e com poucas curvas. O corpo da modelo, segundo a ciência, tem as medidas mais harmoniosas possíveis, ao contrário do que sempre foi amplamente considerado perfeito.
Embora beleza e perfeição sejam conceitos completamente culturais e, certamente, arbitrários (parâmetros da moda), a pressão exercida por propagandas e modelos de TV, com um corpo bastante magro, sempre procurou impor um conceito completamente diferente da "perfeição".
Além disso, este conceito do "corpo perfeito", amplamente divulgado, tem levado muitas mulheres a se sentirem mal consigo mesmas, e sofrerem distúrbios alimentares, dentre outros problemas de saúde e psicológicos.
Para chegar a conclusão de que a modelo tem o corpo ideal, a pesquisa levou em conta as medidas do corpo, idade, formato do rosto, lábios, nariz e cabelo. A modelo já afirmou várias vezes já ter sofrido por causa de seu corpo, e que também ficou surpresa com o estudo.

Mudanças de paradigmas na relação entre ciência e moda

Logo após a divulgação do estudo da Universidade do Texas, a popularidade de Kelly aumentou exponencialmente nas redes sociais, tornando a modelo uma das maiores influenciadoras digitais no mundo da #Moda. Kelly está ajudando a ciência e a sociedade a mudar a visão sobre o corpo da mulher, para que a confiança e a autoestima seja elevada.
Aos poucos, vão aparecendo cada vez mais modelos plus size nas passarelas de todo o mundo, e fazendo muito sucesso. Parte desta mudança de paradigma ocorre graças ao estudo e ao trabalho da modelo.
Veja algumas fotos mais antigas e outras recentes publicadas nas redes sociais de Kelly:

O corpo perfeito, de acordo com a ciência

O corpo perfeito, de acordo com a ciência

O corpo perfeito, de acordo com a ciência

O corpo perfeito, de acordo com a ciência