quinta-feira, 31 de maio de 2018

Países que não tem exército


É comum que vários países pelo mundo disponham de gigantes forças do exército, capazes de se desdobrarem para defenderem ou atacarem em nome de sua nação. No entanto, e por mais incrível que pareça, ainda há alguns países que optaram por não manter um exército em seu território. Alguns, por antigos acordos políticos, outros, porque simplesmente não dispõem de renda suficiente.
A maior parte dos países abaixo se localizam na Oceania e possuem um número muito baixo de habitantes. A maioria tem algum tipo de acordo com outro país independente, que fica responsável por fazer sua defesa. Embora não tenham um exército, claramente ainda contam com um pequeno grupo de forças armadas, responsáveis apenas pela segurança interna do país. Dessa forma, confira abaixo 7 países que não tem exército:

1 - Ilhas Marshall

Possui desde sua fundação uma unica unidade de área que permite a atuação das forças armadas. No entanto, na região pode ser encontrada uma unidade de vigilância marítima, que atua apenas para a segurança interna. Eles possuem apenas um barco de patrulha e os agentes que por ali permanecem, portam armas minúsculas. De acordo com o Pacto da Associação Livre, qualquer ato de defesa é responsabilidade dos Estados Unidos.

2 - Palau

As únicas forças que o país permite são a polícia... O que não representa grande coisa, uma vez que são apenas 30 homens da Unidade de Vigilância Marítima, atuando apenas para a segurança interna. Eles possuem pequenos barcos de patrulha e são autorizados a carregar armas de pequeno porte. Assim como no item anterior, a assistência de defesa acaba sendo fornecida pelos EUA.

3 - Samoa

É possível encontrar alguns policiais pelo país, que também conta com apenas uma Unidade de Vigilância Marítima. Embora tenha seus poucos oficiais, nenhum deles é de formação militar. Possuem também uma pequena embarcação e autorização para o porte de pequenas armas. Segundo um pacto firmado no ano de 1962, a defesa é de responsabilidade da Nova Zelândia.

4 - Tuvalu

Desde que o país foi fundado, não houve nenhuma formação de exército. Entretanto, eles também podem contar com uma pequena força policial atuando em sua Unidade de Vigilância Marítima. Podem portar pequenas armas e contam com uma embarcação que fica à disposição.

5 - Ilhas Salomão

O país já pôde contar com uma força paramilitar, no entanto, passou por drásticas mudanças. Houve um intenso conflito étnico no lugar, onde Austrália, Nova Zelândia e alguns outros países do Pacífico fizeram uma intervenção afim de alterar as leis. Desde essa época, nenhum tipo de exército foi mantido na região. Por outro lado, ainda contam com uma força policial relativamente grande, que possuem porte de armas pequenas e e dois barcos de patrulha.

6 - Liechtenstein

E aqui vamos para um dos únicos países desta lita que não se localizam na Oceania. Situado na Europa, seu exército foi abolido no ano de 1868, pois era considerado muito caro. Os militares apenas são permitidos caso haja guerra em suas terras, no entanto, é uma situação que nunca ocorreu desde então. Por outro lado, ainda existe uma equipe especializada em táticas especiais, que podem portar pequenas armas e se encarregam de tarefas de segurança interna.

7 - Granada

Este é um país caribenho que desde 1983, após ser invadido por um grupo militar dos Estados Unidos, não possui mais forças armadas. No entanto eles ainda possuem uma força real policial, que atua com serviço paramilitar em questões de segurança interna. Enquanto isso, sua defesa fica por conta do Sistema Regional de Segurança.
E então pessoal, o que acharam? Compartilhem suas ideias com a gente aí pelos comentários!
Via   Wonder List  

Próximo Artigo Next Post
Artigo Anterior Previous Post

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO PORTAL VÍDEO